Além disso, cole esse código imediatamente após a tag de abertura :
Loader

Blog

12 MAI Mindfulness: o que é e como aplicar no dia a dia do aluno?

Mindfulness: o que é e como aplicar no dia a dia do aluno?


Como manter a calma e o foco diante de tantas mudanças na rotina? Esse período de quarentena tem sido muito desafiador para os estudantes. De repente, precisaram começar a estudar de casa pelo formato EAD, além da rotina natural de ser um vestibulando e ter que se preparar para as provas. A psicóloga clínica e mestre em psicologia da infância e adolescência, Luciana Gusmão, sugere a prática de Mindfulness para reduzir a agitação mental, a ansiedade e a regulação do humor. Luciana já deu palestras para os alunos do Colégio Sigma e falou sobre os benefícios da prática.

O que é Mindfulness?
Mindfulness - traduzido como atenção plena - é uma prática meditativa secular, baseada em evidências científicas, explica Luciana, e que permite prestar atenção com intenção, no momento presente e sem julgamentos das experiências internas e externas. É a autorregulação da atenção, um momento de pausa para prestar atenção ao que se passa dentro e fora da gente. “Tudo o que estamos precisando nesse momento, não é mesmo?”.

A prática de Mindfulness, afirma Luciana, proporciona diversos benefícios, seguem alguns:

- Aumenta vigor físico e mental; 
- Fortalece o sistema imunológico; 
- Reduz os principais indicadores do estresse crônico; 
- Proporciona autorregulação emocional; 
- Ajuda a sair do “piloto automático” no dia a dia; 
- Reduz a tendência de remoer as coisas e se preocupar com tudo;
- Cultiva uma consciência profunda e compassiva permitindo agir de acordo com nossos valores.

A psicóloga sugere iniciar por práticas breves – de 1 a 5 minutos por dia -, manter uma periodicidade e observar a utilidade para se beneficiar e poder decidir pela duração dos exercícios. 

Quer aprender um exercício rápido? Vamos lá!

A Prática dos 3 passos de Mindfulness
Luciana explica que é um exercício breve para iniciar nesse universo. “É um exercício que nos convida a fazer uma pequena pausa de consciência e pode ser feito quantas vezes você quiser ao longo do seu dia.” A âncora desse exercício de atenção é a própria experiência corporal e a respiração. Vamos lá:

1 - Procure uma posição confortável, que pode ser sentado ou deitado, e deixe o corpo se estabilizar na posição. Comece lentamente a prestar atenção no seu corpo, nas sensações físicas do seu corpo, como os pontos de contato com a cadeira ou o colchão, temperatura da pele e se há diferenças de temperatura, pontos de tensão e de relaxamento do seu corpo. Observe também seus pensamentos e emoções presentes no momento. Apenas observe.
2 - Lentamente, leve a atenção para as sensações e movimentos da respiração, tanto na inspiração como na expiração do ar. Procure observar o fluxo natural da respiração, sem alterá-lo, por algumas vezes.
3 - Traga novamente a atenção para as sensações corporais e as observe (pontos de tensão, temperatura, contato com o assento ou com o colchão) e inclua a percepção dos sons, da temperatura, das fragrâncias do local que você se encontra. Observe essas sensações por um momento. Abra os olhos lentamente encerrando a prática.

Luciana alerta que existem alguns mitos quanto a prática de Mindfulness e daí a importância de alguns esclarecimentos: 

- Não é uma religião. É um método de treinamento mental;
- Você pode praticar Mindfulness em qualquer lugar e a qualquer momento;
- Não vai impedir você de se empenhar nas diversas áreas da sua vida, pois há práticas breves, de alguns minutos e mais longas, você pode escolher.
- Não existe a afirmação “Mindfulness não é pra mim”. É prática, e como toda prática precisa ser exercitada. Por isso, se estiver com a mente agitada, diversos pensamentos passando pela sua cabeça e com dificuldade de se concentrar, não desista. Praticar vai te ajudar muito!

Você vai se surpreender com os benefícios que a prática de Mindfulness fará na sua vida!
Bora praticar!