Além disso, cole esse código imediatamente após a tag de abertura :
Loader

Blog

05 MAI Em quarentena: dicas para manter a rotina de estudos em casa

Em quarentena: dicas para manter a rotina de estudos em casa


São tempos novos para os alunos. Por conta da quarentena e do isolamento social impostos como tentativa de controlar a epidemia do Coronavírus, o conteúdo das aulas está sendo aplicado on-line. Devido a esse novo cenário, é necessário reorganizar a rotina de estudos para manter o mesmo ritmo das aulas presenciais e seguir aprendendo. Como ser produtivo em casa com tantas formas de procrastinação? Convidamos a coach e professora de Biologia do Sigma, Kátia Peras, também especialista em Psicologia da Educação, para dar algumas dicas para os alunos se adequarem a essa nova maneira de estudar.

Ter uma boa noite de sono

Segundo a professora Kátia, é importante dormir no mínimo seis horas por noite e manter a rotina do horário em que dorme e acorda. “O cérebro precisa de rotina”, ressalta. A tendência dos alunos, observa, é ficar até de madruga e acabar acordando tarde. “Sei que eles não vão dormir cedo, mas também não é interessante irem dormir muito tarde. É importante um horário adequado de forma que possam acordar de verdade, alertas para tudo que forem fazer ao longo do dia”.

Além disso, ela sugere que eles escrevam à noite uma proposta do que vão fazer no outro dia, entre três e quatro atividades, incluindo alguma coisa de lazer. E mantenham contato com os colegas, conversem com os amigos de forma que um ensine o outro.

“Com a quarentena, a forma de estudar mudou um pouco. E, por isso, precisamos estar atentos porque o cérebro entende muito do que a gente faz mesmo sem perceber”, alerta a professora. Então é importante que os alunos estejam atentos para algumas práticas positivas:

 Faça uma lista com a rotina do dia

- Preparem-se para estudar: acorde, tome um café, tire o pijama, coloque uma roupa adequada (alguns alunos até vestem o uniforme, sintam-se à vontade)

- Lavem o rosto, penteiem o cabelo, cuidem da aparência. Para as meninas que usam maquiagem, vale até passar algo bem leve;

- Estejam “alertas” e realmente despertos para a aula;

- Escolham um local confortável na casa em que possam ficar sentados adequadamente, com o apoio de uma mesa ou escrivaninha;

- Sigam o “mantra”: Aula dada, aula estudada no mesmo dia. Não deixem para estudar depois;

- E façam intervalos entre uma aula e outra, uma atividade e outra: depois de uns 45 a 50 minutos de estudos o ideal é dar uma parada, tomar uma água, um café e só depois voltar.

Seguir um padrão adequado de estudos, pontua Kátia, será muito positivo para o aluno principalmente nesse momento. É fundamental que os estudantes se sintam produtivos. Ela lembra que as aulas no Colégio Sigma estão acontecendo ao vivo e que os professores enviam esses materiais para os alunos. “Então, eles precisam acompanhar essas aulas e estudar esse conteúdo no mesmo dia”. Essa recomendação, segundo ela, se dá porque o cérebro tem 24 horas para jogar as informações vividas na memória duradoura. “Temos a memória duradoura e a imediata (a gente ouve, entende e imediatamente esquece). A duradoura é aquela em que realmente aprendemos”, explica. Para jogar na memória duradoura, acrescenta, é preciso fazer exercícios e rever a teoria no mesmo dia, num prazo de 24 horas.

Bons estudos!